eduardo sancinetti

Nasceu em Piracicaba interior de São Paulo sempre pesquisando o desenho e a natureza.
Graduou-se, em 2006, em artes plásticas pela UNESP (Universidade Estadual Paulista), onde apresentou como trabalho final a inter-relação dos conceitos “arte” e “vida”. Muda-se para São Paulo e continua pesquisando principalmente o desenho e a pintura, realiza exposições na cidade e integra no conjunto de artistas da galeria Mezanino; paralelamente trabalha como designer gráfico e posteriormente ministra aulas em escolas públicas do Estado de São Paulo. Funda junto de amigos a Vendo-me Editora onde produzem fanzines unindo arte e literatura.
Prossegue estudando principalmente em oficinas do Sesc Pompéia - que tem projeto pensado por Lina Bo Bardi, onde busca unir artesão/artista/designer no aprendizado - a modelagem do barro, o desenho de superfície com estampas aplicadas em estamparia manual, batik etc. Em 2016 funda junto de profissionais da arte e design o Estúdio Pochoir especializado no desenho de estampa com foco em técnicas que resgatam processos manuais de impressão ressaltando temas que falam do Brasil. Ministra oficinas para crianças e profissionalizantes para adultos em diferentes unidades do SESC. Em 2017 é finalista do Prêmio Casa Vogue Brasil na categoria objetos com a coleção de pratos intitulada “Formas e cores”. Em 2018 realiza a reprodução de estampas construtivistas russas de Stepanova e Popova e de porcelanas suprematistas de Malevich, Suetin e Chashnik à convite da curadoria da exposição que reconstrói parte do que foi produzido na Escola soviética Vhkuthemas e na Fábrica Leningrad Lomonosov de Porcelana. Seu trabalho procura estar no limite entre arte e design buscando a fruição e experimentação; tem como base o desenho e o aprendizado de técnicas artesanais como amplificadores no processo de criação.

259900_1880588174736_6599059_n_o_edited.